What are you doing?

What are you doing?

What are you doing?

Twitter. Algo que está com tudo no momento, mesmo sendo um serviço que exista já a algum tempo, ganhou sua força não faz muito tempo, e parece que só tem tido “sorte” que tornaram seu nome mais forte dentro da internet. Veio com uma proposta diferente em um espaço cujo não parecia mais para inventar. Lembro quando foi a primeira vez que ouvi falar sobre o tal serviço, era algo tímido e com uma proposta que sofria o mesmo preconceito que o blog sofreu quando foi lançado. As pessoas param e pensam, por que vou perder meu tempo falando coisas pessoais minhas aqui? Quem iria querer ler? Nisso o Twitter enfrentou por um tempo a dificil missão de se colocar dentro da vidas dos internautas.

Porém, se formos ver hoje o Mr. Williams e Mr. Stone, CEO do Twitter, podem comemorar o sucesso do seu produto, afinal qual serviço hoje oferece um contato fácil e simples com qualquer celebridade do mundo? Ou melhor, facilidade para atualizar seu espaço até mesmo através do seu celular ? Acho que poucos espaços na internet tem essa flexibilidade e facilidade.

Bom, apesar destes dois pontos muito convincentes para o uso de tal serviço, ignorando claro o fator gratuíto de se uso, são as inúmeras colaborações que a web 2.0 proporciona, como a busca de emprego até mesmo relatar uma invasão ao vivo.

David Prager um homem comum como outro qualquer, tem sua noite interrompida por volta das duas da manhã do dia 11 de março, quando um homem aparece rondando sua casa. O que você faria se tivesse na mesma situação? Chamaria a polícia certo? Errado. David simplesmente usou o Twitter para narrar o acontecimento. Exatamente ele narrou ao vivo, graças ao seu iPhone e o Twitter oferecer essa facilidade, isso pode ser feito.

O que quero dizer usando esse post é simples, tomar decisões é algo que determina tudo, e com ela o caminho que as coisas irão seguir. Nosso amigo David tomou uma decisão arriscada, e claro que na situação dele, muito perigosa e irresponsável, porem por sorte dele, o invasor apenas estava drogado ou bebado e perdido. E isso rendeu ao nosso amigo, David, uma fama e uma história que com certeza será lembrado por muito tempo, e quem ganha com isso claro, ele, mas também nossos outros amigos o Mr. Williams e Mr. Stone com o seu pequeno projeto chamado Twitter.

Mas voltando ao assunto a tomada de decisão é algo muito importante em determinadas situações para que novas oportunidades surjam. Se for pensar bem, caso o David tivesse ligado para a polícia essa história passaria despercebida, e as únicas pessoas a saberem disso seriam, os amigos e familiares. Nisso podemos perceber como uma decisão arriscada foi tomada e como isso afetou a imagem de uma empresa e mais de um rapaz normal como tantos outros. Então isso é algo que devemos ter em mente. Sempre. Assumir riscos e seguir os instintos as vezes é o melhor negócio para que você tire proveito da situação e a torne favorável, mesmo sendo algo ruim, até mesmo uma invasão. O mercado pede isso, os produtos pedem isso e as pessoas querem isso.

Um ponto que prova isso é um caso também recente envolvendo uma grande empresa de jornal que irá testar uma nova versão de jornal , chamada de individuated news ou i-news que é simplesmente a pessoa imprimir seu jornal em casa, da forma que achar melhor. Isso é arriscado? Sim. Necessário? Com certeza. Para até mesmo a sobrevivência do velho jornal, grandes empresas estão seguindo os seus instintos e lutando contra um futuro incerto para eles. Se grandes empresas, sólidas, com reconhecimento e poder $$ fazem isso, então talvez devessemos olhar com outros olhos para esse tipo de decisão. Pois as vezes seguir o próprio instinto é o melhor plano para quem pensa demais.

Anúncios

2 Responses to What are you doing?

  1. É meu amigo, você está sempre certo em ritmo e grau. Essa dica parece moral de história infantil – e definitivamente deveria ser. O mundo foi mudado sempre por instintos e intuições. Porque duvidar agora?! Amém aos corajosos. E que tudo continue assim; andando.

    Fique tranquilo.
    Confio no instinto animal um tanto intelectual; pop atual.

    Viva o twitter. Viva a evolução.

    Viva a minha intuição.

    *Belo post guri.

  2. Ricardo Dória disse:

    Resolvi criar coragem e tomei a decisão de entrar no Twitter ontem à noite.
    Graças a esse texto. Mas eu teria chamado a polícia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: